Preservar a memória e a história da sociedade sempre foi um grande desafio. Porém, existem muitosmuseus em Brasília que exercem um papel muito relevante nesse contexto. Esses locais são excelentes formas de preservar e propagar a cultura de um povo, além de serem responsáveis pelo seu patrimônio material ou imaterial. 

Embora algumas pessoas ainda pensem que o museu é um caminho em direção ao passado, ele faz uma importante conexão entre presente e futuro. Por isso, esses ambientes são realmente enriquecedores e incríveis — e devem ser visitados.

Pensando nisso, preparamos este artigo para você conhecer quais museus devem ser visitados durante a sua viagem à Brasília. Boa leitura!

Por que visitar museus?

Arte, cultura e, claro, muita história. Os museus estão repletos de exposições impressionantes e, independentemente do tema abordado, você deveria visitá-los sempre que possível. Afinal, eles são uma ótima opção de lazer, principalmente quando você está conhecendo uma cidade nova.

Em geral, esses ambientes são fechados, o que permite a visita em qualquer clima. Além disso, existem opções bem em conta e, até mesmo, gratuitas. O passeio permite que você conheça outras culturas e histórias por meio de peças únicas e acervos completos. Muitas vezes, eles permitem que você compreenda o passado de uma forma natural, pura e realista.

Outro motivo para visitar um museu é que esse programa é para todos. Você pode ir sozinho, com o companheiro ou a companheira, com os amigos ou com a família. O programa, certamente, vai agradar todos os gostos e todas as idades.

Quais museus visitar em Brasília?

Existem diversos museus em Brasília que você precisa visitar. Conheça um pouco mais sobre alguns deles.

Museu de Valores do Banco Central

Inaugurado em 8 de setembro de 1981, o Museu de Valores reúne em seu acervo mais de 135 mil peças compostas por cédulas e moedas brasileiras e estrangeiras, condecorações, barras de ouro, pepitas, medalhas e artefatos ligados à fabricação do dinheiro. O patrimônio artístico conta com mais de 500 obras, entre as quais estão pinturas, gravuras, desenhos e esculturas.

Localizado no subsolo do edifício-sede do Banco Central do Brasil, o museu conta com 5 salas com exposições permanentes, sendo elas:

  1. Sala Brasil: conta a história do dinheiro no país;
  2. Sala Emissões do Banco Central: inclui moedas e cédulas emitidas a partir da criação do Banco Central do Brasil;
  3. Sala Mundo: expõe moedas e cédulas de diversos países;
  4. Sala Curiosidades Monetárias: mostra uma seleção de exemplares diferentes;
  5. Sala Ouro: apresenta o ouro em diversos formatos.

Museu Histórico do Senado Federal

O Museu Histórico do Senado Federal conta com mais de 3 mil peças dispostas pelo Palácio do Congresso Nacional, residências oficiais e gabinetes parlamentares. São esculturas, pinturas, gravuras, desenhos e mobiliário que permitem contar a trajetória história dos mais de 190 anos da instituição.

Além da exposição de longa duração no próprio local — localizado no Salão Nobre do Senado —, a cada 3 meses, em média, há exibições temáticas. O museu já recebeu mostras sobre os 130 anos da Abolição da Escravidão no Brasil e sobre os 30 anos da Constituição de 1988, por exemplo.

Museu do Tribunal de Contas

Criado em fevereiro de 1970, o Museu do Tribunal de Contas da União tinha a função de preservar a memória da instituição. Na época, seu acervo era composto, principalmente, por móveis antigos.

Em novembro de 2016, o museu foi transferido para as novas acomodações do Instituto Serzedello Corrêa. Hoje, o acervo é composto por objetos relativos à história centenária do Tribunal de Contas da União. Entre eles estão documentos, equipamentos e mobiliários de época, medalhas e condecorações.

Além da exposição permanente, o museu também conta com mostras temporárias, projetos e outras atividades para os visitantes.

Museu Nacional

O Museu Nacional está localizado na Esplanada dos Ministérios e foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer. Assim como a Biblioteca Nacional de Brasília, o museu compõe o Conjunto Cultural da República, situado no Setor Cultural Sul.

O espaço é usado para exposições temporárias de artistas renomados nacional e internacionalmente, além de assuntos importantes para a sociedade. Também é possível encontrar seminários, workshops, festivais de teatro, mostra de filmes e outras atividades de caráter cultural e social. 

Assim, o Museu Nacional incentiva o turismo e ajuda a formar uma educação democrática por meio da cultura. É possível agendar visitas guiadas.

Memorial JK

Localizado em um dos pontos mais altos de Brasília, o Memorial JK protege a memória de Juscelino Kubitschek, presidente do Brasil entre 1956 e 1961. Os jardins foram projetados pelo paisagista Burle Marx e o local conta com a câmara mortuária que contém o corpo do ex-presidente.

O acervo reúne objetos pessoais de JK, como medalhas, faixa presidencial e outros pertences que contam a sua história. Também há uma exposição com as fotos da construção e inauguração de Brasília e de Juscelino com personalidades mundialmente famosas. O auditório é usado para exibição de documentários, espetáculos de música e outros eventos.

Vale a pena contar com o apoio de uma empresa especializada?

Como vimos, existem muitos museus interessantes em Brasília. Por isso, é interessante buscar por uma empresa especializada em city tour particular, pois essa é a melhor forma de fazer bons passeios turísticos, de acordo com a sua necessidade e vontade. Eles são pensados para você aproveitar mais e gastar menos.

Os roteiros para museus são feitos com um guia exclusivo, com toda a comodidade que você merece para aproveitar Brasília de um jeito único. Para isso, procure sempre por profissionais capacitados para o transporte terrestre e opte por aqueles que têm curso de fotografia e podem garantirexcelentes fotosdos passeios.

Mesmo que você tenha poucos dias no destino, o city tour também é uma ótima opção. Dessa forma, você economiza tempo nos deslocamentos e foca seu passeio no que realmente interessa. Se você vai à Brasília pela primeira vez, é uma boa maneira de entender melhor a cidade antes de explorá-la por conta própria.

Os museus em Brasília têm o papel de educar e informar por meio de exposições permanentes, mostras e outros recursos. Esses espaços são ideais para estimular a reflexão, despertar a curiosidade, promover os princípios da cidadania e a socialização e preservar a memória cultural de diversos povos.

Vai visitar Brasília e quer conhecer os principais museus da região? Então, entre em contato conosco e agende um excelente city tour pela cidade!