Rica em história e cultura, a capital federal e também conhecida como Plano Piloto. Erguida em menos de quatro anos, numa área completamente inabitada. Brasília é uma cidade projetada e idealizada pelo arquiteto Lúcio Costa.  Formada por dois eixos principais, a capital brasileira tem sua arquitetura toda desenvolvida com obras do renomado Oscar Niemeyer.

Além de belezas únicas, a cidade foi nomeada Patrimônio Mundial pela UNESCO e é o lugar ideal se você procura opções de atividades culturais, exposições, parques e uma vida noturna agitada, essa é uma parte da cultura brasiliense.

Exemplo de Arquitetura e Urbanismo

Constituída a partir de um projeto urbanístico moderno, fora dos padrões brasileiros de arquitetura da época, Brasília apresenta em seus monumentos uma história única, diferenciada e moderna.

A construção de Brasília seguiu um plano urbanístico desenvolvido por Lúcio Costa, e foi concebido segundo escalas estruturais denominadas “Monumental” (espaço correspondente aos comandos políticos e administrativos); a “Gregária” (setores em que se convergem os interesses e as dinâmicas da população); a “Residencial” (composta por quadras no sentido Sul e Norte) e ainda a “Bucólica” (onde se encontram as áreas de sociabilidade, como praças e jardins, bem como os gramados e a orla do lago Paranoá).

Conheça os principais locais da história política do Brasil

Brasília é conhecida por acomodar os principais palcos da política brasileira, como o Palácio do Planalto e o Congresso Nacional. Aqui se deu a introdução da cultura brasiliense junto com os candangos, que vieram de todo o Brasil, principalmente do nordeste para construir a capital.

Palácio Nereu Ramos

Sede do Poder Legislativo, o Prédio do Congresso Nacional ou Palácio Nereu Ramos é um dos mais populares monumentos de Brasília e, é nele que trabalham os deputados federais e senadores.

Tombado como patrimônio da UNESCO em 2007, a construção foi projetada pelo arquiteto Oscar Niemeyer e, conta com dois apartamentos, duas cúpulas e 28 andares.

Para quem se interessar em conhecer, as visitas são gratuitas e acontecem todos os dias, de 9h às 17h30, exceto às terças e quartas. Às quintas-feiras, são atendidos somente os grupos agendados com antecedência.

Praça dos Três Poderes

A Praça dos Três Poderes é o local que abriga as sedes dos três poderes do Estado: o Supremo Tribunal Federal (poder judiciário), Congresso (poder Legislativo) e o Palácio do Planalto (poder Executivo).

Museu Nacional de Brasília

Projetado por Niemeyer, o museu fica localizado na Esplanada dos Ministérios. O monumento possui formato semiesférico, com cúpula de 25 metros de raio.

O Museu Nacional de Brasília apresenta exposições itinerantes, palestras, seminários e mostras de filmes. A entrada é gratuita, e seu horário de visitação é de terça-feira a domingo, das 9h às 18h30.

Ponte JK

A Ponte Juscelino Kubistchek já foi eleita como a ponte mais bonita do mundo em 2003, pela Sociedade de Engenharia do Estado da Pennsylvania, nos Estados Unidos. Este monumento de Brasília liga o Lago Sul, Paranoá e São Sebastião a parte central da cidade. Um marco de define a arquitetura como parte da cultura brasiliense.

Esplanada dos Ministérios

Localizada no Eixo Monumental, a esplanada é um dos maiores pontos turísticos da capital e, é formada por um conjunto de 17 edifícios dos ministérios, projetados por Oscar Niemeyer.

Memorial JK

Mais um projeto de Oscar Niemeyer, o Memorial Juscelino Kubitschek homenageia o presidente que idealizou a cidade de Brasília. A construção abriga a obra e a história de JK. Seu acervo conta com objetos pessoais, reprodução de cômodos do ex-presidente e fotos da época da construção da capital. Além disso, no memorial, também é possível visitar o túmulo onde estão os restos mortais de Juscelino.

O monumento é o único da cidade a cobrar ingresso. Seu horário de visitação é de segunda a domingo, das 9h às 18h.

Eixo Monumental

Um dos principais monumentos de Brasília e um dos lugares mais visitados da cidade, a gigante avenida, liga os prédios e monumentos mais importantes da capital brasileira. O projeto arquitetônico de longas e largas pistas é assinado por Lucio Costa, Oscar Niemeyer e Burle Marx.

O Eixo se estende por 16 quilômetros e divide-se em dois lados. Os dois são compostos por monumentos, prédios e memoriais que contam um pouco da história de Brasília e do Brasil. São seis faixas de pistas de 250 metros de largura.

Durante um passeio de carro ou a pé pelo Eixo é possível explorar os principais pontos turísticos de Brasília, assim como restaurantes. Na parte central, eventualmente, o gramado serve de palco para shows e outras atrações abertas ao público, uma exclusividade da cultura brasiliense.

Catedral Metropolitana de Nossa Senhora Aparecida

Planejada por Oscar Niemeyer, a Catedral Metropolitana foi o primeiro monumento de Brasília a ser criado e, em 1988, recebeu o prêmio máximo de arquitetura, o Prêmio Ptritzker. A Catedral é situada na Praça de Acesso, ao lado da Esplanada dos Mistérios. Assim como outros monumentos da capital, a igreja segue o estilo modernista com dezesseis colunas de concreto que convergem em um círculo central.

Em seu interior, suspensos por cabos de aço, encontram-se as esculturas de três anjos (obras de Alfredo Ceschiatti), que pairam sobre os fiéis como protetores. Além disso, no interior da catedral também é possível encontrar uma réplica da Pietá de Michelangelo, uma estátua de Dom Bosco e a cruz de madeira que data da primeira missa rezada na capital em 1957.

Na área externa, estão os quatro Evangelistas, por Alfredo Ceschiatti e Dante Croce. As quatro estátuas de bronze, cada uma com três metros de altura, posicionadas à esquerda e à direita da entrada principal do Templo, representam os quatro primeiros registradores da história de Jesus Cristo na Terra.

Brasília como local de estudo e pesquisa

Brasília apresenta características importantes não apenas pela questão política, mas também por representar uma cidade fomentada pela pesquisa e desenvolvimento científico. A Universidade Nacional de Brasília, fundada por Darcy Ribeiro e Anísio Teixeira, foi eleita em 2019 como a 8ª melhor universidade do país.

Além disso, Brasília mostra aos visitantes um cenário de modernas construções, e que foram reconhecidos como Patrimônio Cultural da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e Cultura (UNESCO) no ano de 1987.

Brasília nos ensina que a valorização de espaços, de ensino, e do turismo é fundamental para o desenvolvimento de uma cidade. E que é impossível sair de lá sem se apaixonar, vale a pena fazer um tour com um guia exclusivo. Conheça locais imperdíveis de Brasília para você adicionar no seu roteiro.